O piso de uma casa tem o poder de transformar completamente o ambiente. Todos nós sabemos que construir, reformar e decorar são tarefas desafiadoras. Somente quando enxergamos o resultado final é que entendemos a razão de todo o trabalho ter valido a pena.

Se você está em busca do revestimento perfeito para o chão de seu lar, primeiro deve entender a diferença entre piso laminado e piso vinílico.  Qual a diferença entre piso laminado e piso vinílico ambos os revestimentos contam com características bastante interessantes. São ideais para a utilização em ambientes internos e, o melhor de tudo, extremamente fáceis de limpar!

Além disso, ainda podem ser sobrepostos a outros pisos específicos. O laminado, por exemplo, pode ser colocado em cima do piso cerâmico e até mesmo madeira, se estiverem em bom estado. Com tantos atributos semelhantes, como escolher o melhor? Conheça as diferenças entre piso laminado e piso vinílico e tome a melhor decisão!

Afinal, qual a diferença entre piso laminado e piso vinílico?
Essencialmente, a principal diferença entre piso laminado e piso vinílico diz respeito ao material com que são produzidos.

Piso Laminado — feito com HDF, o painel de madeira de alta densidade. A parte superior recebe a estampa que dá a visual de piso e o material vem em réguas;

Qual a diferença entre piso laminado e piso vinílico

Piso Vinílico — produzido a partir de PVC. Pode vir em réguas ou placas.

A outra grande diferença envolve o processo de instalação de cada um deles que, apesar de simples, conta com algumas especificações. O piso laminado pode ser aplicado apenas com encaixe por click. É possível instalá-lo em qualquer lugar, desde que o contrapiso conte com, no máximo, 3mm de saliências em uma extensão de até 1m.

Caso contrário, é preciso realizar correções com um produto específico para este fim. Já o piso vinílico demanda um piso nivelado. Portanto, a avaliação é fundamental e se necessário deve ser aplicado uma massa niveladora.

Menu